A Cigarra – Motivação

Postado em

Havia em uma pequena cidade do interior paulista um grupo de amigos formado por 3 vendedores. João o mais velho e experiente tinha uma loja de roupas, Rafael já trabalhara com várias coisas e tinha recentemente começado a vender automóveis e tinha Tiago (sem “h”, ele fazia questão de deixar claro isso!!) que trabalhava com vendas por que seu pai tinha uma loja de móveis e alguém precisava vendê-los.

As coisas não estavam fáceis naquele mês, sabe como é, começo de ano e o Brasil só começa depois do carnaval – pelo menos era o que diziam… Acontece que depois de uma segunda-feira onde  não aconteceram grandes vendas para nenhum dos 3, eles se reuniram em um bar de seu bairro.

Entre a 2ª e a 3ª rodada, seu Antônio, um sr com já mais idade que conseguiu se aposentar muito bem e que passou a vida inteira cultivando clientes, negócios e amigos, ouvindo a conversa, sem pedir permissão, puxou uma cadeira e sentou-se. Puxou a garrafa que estava sobre sua mesa serviu João, Rafael e Tiago e desandou a falar.

“É gente, realmente tem épocas que é mais difícil, parece que as coisas não vão mesmo… sabe, mas um dia isso passa, podem acreditar… eu trabalhei tanto tempo com isso e sei como se sentem…. (Antônio, faz uma pausa, olha pra cada um deles, toma um gole de sua cerveja).. Gente, um dia, vocês vão poder se aposentar e se aposentar bem como eu, poderão comprar até um sítio pra descansar e ficar pescando, andando de cavalo ou só observar a natureza… é só querer e fazer pra ter”

Tiago se inquietou e deu um sorriso, daquele de canto de lábios, um pouco irônico.

“Sabem o que eu mais gosto de fazer em meu sítio? Olhar a natureza, tem tanta coisa boa lá, tem tanta vida… ontem eu tava sentado debaixo de um grande pinheiro e comecei a olhar pra uma casca de cigarra, sabe aquelas cascas que elas soltam, então… peguei, olhei e fiquei pensando… Por que é que elas fazem isso?? Por que um bicho que deve existir antes dos homens trocam a pele daquele jeito?”

“Bom, eu então percebi que a cigarra quer crescer, ela quer ser mais do que é, então ela deixa tudo que não lhe ajuda para trás, ela deixa uma pele velha e dura e consegue crescer! Sabe aquela pele foi útil pra ela por algum tempo, mas ela quer ser mais tão pequena!! Não sei se vocês me entendem, mas pessoas que querem crescer tem que deixar pensamentos pequenos pra trás, tem que deixar até suas manias pequenas e pensamentos para trás.”

Tiago, inquieto e irônico disse:

“Seu Antônio, o sr não percebeu que nós não somos cigarras??”

“Percebi menino, percebi pela conversa, as cigarras devem estar preocupadas em deixar o que as impede de crescer, e você preocupado em manter isso.”

Seu Antônio sorriu, tomou um gole de cerveja e falou de outras experiências, João e Rafael aproveitaram muito aquela conversa, mas Tiago, esse sim que aproveitou… nos dias seguintes, ele trocou a pele, preconceitos e as idéias fatalistas que vinham dos outros e finalmente cresceu.

 

Anúncios

18 comentários em “A Cigarra – Motivação

    Jovair Nascimento disse:
    janeiro 25, 2011 às 2:37 pm

    Olá BOA Tarde! Muito bom este artigo a vida nos ensina muitas coisas, se procurassemos olhar mais
    atentamente a nossa volta ao invéis de difundirmos
    pessimismo e derrotismo, com certeza não só a nossa
    vida mas o mundo estaria bem melhor pra todos.
    Obrigado e SUCESSO.

    André Cia respondido:
    janeiro 26, 2011 às 10:56 am

    Olá Jovair!
    Muito obrigado por nos dizer sua opinião.
    Forte abraço e Sucesso!!
    André Cia

    Marina disse:
    fevereiro 2, 2011 às 11:10 am

    Olá! Gostei muito da postagem também, muito interessante, de fato sem uma transformação diária não se chega a nenhum lugar. Adicionei seu blog aos meus favoritos, comecei a trabalhas com vendas agora, de espaço publicitário, e ainda estou bem perdida, não sou muito boa nisso, mas é um desafio novo e quero vencer.

    Abraço

    André Cia respondido:
    fevereiro 5, 2011 às 3:39 pm

    Olá Marina!
    Muito obrigado!!
    Sabe, alguns bons vendedores, quando começam nessa área, são muito ruins… muito mesmo… já conversei com bons vendedores que no início da sua carreira não vendiam nada… mas um dia, não um dia qualquer, em um dia único, o vendedor novato se cansa de não vender e começa a vender… normalmente, esses vendedores que começam a vender começam a analisar todos os seus erros e seus acertos e passam a ser extremamente criteriosos, disciplinados e bem sucedidos…
    Não sei se esse é bem o seu caso, mas se for, analise não só seus resultados mas o que você faz para alcança-los… se necessário mude tudo… inclusive a idéia ( e por que não a realidade) de que você não é tão boa… O que acha? =o)
    Sucesso Marina.. o caminho lá na frente compensa as dificuldades de agora!
    Garanto!
    André Cia

    Renan Capecchi disse:
    abril 1, 2011 às 8:01 am

    Olá, amigo
    Eu morava com meus pais, porém sempre sonhei em morar sozinho, mais nunca tive condições financeiras para isso. Aí descobri uma fábrica de doces em Minas, comecei a vender os docinhos (uma barra de pingo de amendoim) dessa fábrica na rua, como moro em Brasília pensei: porque não vende los nos órgãos públicos, hoje tenho meu apartamento meu carro, minha moto, tudo com a venda desses docinhos e ninguém acredita que consegui vendendo docinhos na rua, hoje pretendo ampliar meus horizontes já que tem 4 anos que faço a mesma coisa, porém estou sem idéia, mais tenho paciência, sei que algo vai surgir.

    Muito bom mesmo esse site
    Parabéns.

    Marilia almeida disse:
    abril 27, 2011 às 10:35 am

    Oi André, é isso que estou tentando fazer, mudar…consigo ver que vendas externas é o quente do momento mas como lhe falei no outro artigo, ainda estou procurando o melhor caminho para começar..se puder me dar alguma dica.
    Abraço!

    miguel tomaz disse:
    maio 22, 2011 às 11:44 am

    muito bom ouvir esta mensagem muito interessante gostei muito caso tenha mais mensagens dessa mande para o meu email.

    Israel Barros disse:
    maio 23, 2011 às 6:12 pm

    Olá!
    Belo comentário André! É verdade, se quisermos crescer em qualquer área da nossa vida temos que abandonar os velhos hábitos às vezes chavões que alguém criou e nós repetimos diariamente e não percebemos que certas atitudes só nos “travam”. Na nosssa vida 50% é atitude e os outros 50% são consequências das nossas atitudes. Mude suas atitudes e mude sua vida!
    Sucesso a todos!
    Israel Barros

    André Cia respondido:
    junho 6, 2011 às 3:42 pm

    Renan, com todo o respeito… você é um exemplo meu amigo!
    Tenho certeza que em qualquer outro negócio que você entre, você vai obter sucesso!
    Parabéns pela sua história.
    André

    André Cia respondido:
    junho 6, 2011 às 4:12 pm

    Marilia, vou pesquisar mesmo o assunto!
    André

    André Cia respondido:
    junho 6, 2011 às 4:27 pm

    Miguel, obrigado.
    Se quiser, nos acompanhe por RSS.
    Sucesso.
    André

    André Cia respondido:
    junho 6, 2011 às 4:28 pm

    Obrigado Israel!!!
    Sucesso!
    André

    Regina disse:
    julho 22, 2011 às 11:58 am

    Oi André,

    Parabéns pelo blog e muito obrigada pela ajuda diária.
    Fantástico…

    abraços
    Regina

    André Cia respondido:
    julho 28, 2011 às 8:47 am

    Olá Regina!
    Muito obrigado!!!
    Abraço e bons negócios!!!
    André Cia

    Daniela disse:
    agosto 4, 2011 às 11:01 pm

    Olá André,

    Estou para me ingressar nesse ramo de vendas daqui a poucos dias… será no mercado imobiliário, e pesquisando sobre dicas de vendas encontrei o seu blog, que por sinal já está me ajudando muito a ter idéias e pensamentos positivos para o futuro.
    Assim que realmente sentir minhas dificuldade irei te pedir um help, ok? até lá, obrigada por compartilhar seus conhecimentos que com certeza são úteis para muita gente no mercado.
    Abraço,
    Daniela

    André Cia respondido:
    agosto 9, 2011 às 8:33 am

    Oi Daniela.
    Agradeço muito os elogios!
    Seja muito bem vinda às vendas!! Que sua carreira seja repleta de sucessos e conquistas!
    André Cia

    jose severino disse:
    agosto 20, 2011 às 10:31 pm

    olá andré, gostei muito das suas opiniões
    no momento eu estou com algumas duvidas é quê eu comecei a trabalha com vendas há 1 ano mais ou menos, tenho um sócio e o maior poblema e que eu discordo totalmente das ideias dele,não sei se eu estou certo mas é que eu penso em uma empresa mais organizada, passo sempre para meus clientes uma imagem de uma empresa grande organizada que tenho de tudo, tento passar uma imagem de uma grande estrutura. Trabaho com material de informática,papelaria e movéis para escritorio estou penssando seriamente em acabacar com essa sociedade e abrir um empresa sozinho. me dê sua opinião por favor. abraço

    jose severino

    André Cia respondido:
    agosto 22, 2011 às 2:04 pm

    Boa tarde José.
    Meu amigo, fica um pouco complicado eu lhe dar uma opinião sobre você manter ou não manter sociedade. Acredito que seja importante vocês conversarem e cada um expor seu ponto de vista de forma honesta e vocês tentarem chegar a um denominador comum, se mantém ou não mantém a sociedade. Só deixe-me dar um pitaco… não tenham esta conversa quando um dos dois tiverem de cabeça quente, lembre-se que vocês montaram um negócio por que acreditaram que unidos teriam mais força.
    Sucesso!!!
    André.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s